Bookmark and Share

AOS OLHOS DE ERNESTO estreia mundialmente no Festival de Busan

O filme AOS OLHOS DE ERNESTO, produção da Casa de Cinema de Porto Alegre com direção de Ana Luiza Azevedo será exibido pela primeira vez dia 04 de outubro no Festival Internacional de Filmes de Busan, na Coreia do Sul. Após sua estreia mundial, será reexibido no evento nos dias 06 e 11 de outubro.

Escolhido para participar da sessão "World Cinema" ao lado do também brasileiro "Filho de Boi", o longa leva a mistura da cultura latinoamericana para um dos principais festivais da Ásia, onde o mercado audiovisual cresceu exponencialmente nos últimos anos.

Produzido pela Casa de Cinema de Porto Alegre e distribuído pela Elo Company, o filme dirigido por Ana Luiza Azevedo narra a redescoberta da vida, amizade e amor pelo fotógrafo aposentado uruguaio Ernesto. Próximo dos 80 anos, ele se depara com uma crescente cegueira e os padrões de comportamento com a chegada da velhice, como perdas, doenças, limitações físicas e a solidão.

SINOPSE

Ernesto vem enfrentando as limitações da velhice como a solidão e a crescente cegueira, que ele acha que pode disfarçar de todos. Quando ficou viúvo, Ernesto aprendeu que envelhecer é ocupar os silêncios com um disco rodando, com os telefonemas do filho que mora longe, com as idas ao banco para buscar sua escaça aposentadoria, com rápidas visitas do vizinho Javier, com a espera de uma nova carta de Lucía. Mas Bia, uma descuidada cuidadora de cães, atropela a sua vida e coloca em risco seu metódico cotidiano. E Ernesto percebe que envelhecer pode ser rejuvenecer com a intensa companhia de uma menina que não tem nem trinta anos. Que a vida e o amor são possíveis, até para quem tem quase 80 anos.

FICHA TÉCNICA

Elenco: Jorge Bolani, Gabriela Poester, Jorge D'elia, Julio Andrade, Gloria Demassi, Áurea Baptista, Marcos Contreras
Direção: Ana Luiza Azevedo
Produção: Casa De Cinema De Porto Alegre
Roteiro: Ana Luiza Azevedo, Jorge Furtado
Colaboração de roteiro: Vicente Moreno, Miguel da Costa Franco
Direção de fotografia: Glauco Firpo
Direção de arte: Fiapo Barth, William Valduga
Montagem: Giba Assis Brasil
Música original: Leo Henkin
Som direto: Rafael Rodrigues
Desenho de som: Tiago Bello, Marcos Lopes
Mixagem: Tiago Bello
Figurinos: Rosângela Cortinhas
Caracterização: Britney Federline
Primeira assistente de direção: Laura Mansur
Direção de produção: Glauco Urbim
Produção executiva: Nora Goulart
Patrocinador: ANCINE, BRDE, FSA, BNDES
Distribuição: Elo Company