Jorge Furtado

Bookmark and Share

Blog de Jorge Furtado

Golpistas em vertigem

Em 2016 a democracia brasileira foi vítima de um golpe parlamentar clássico, daqueles de livro, onde a maioria no congresso, insatisfeita com o trabalho do executivo e/ou com medo de ser presa, une-se para derrubar o presidente eleito, um fato corriqueiro num regime parlamentarista e que no presidencialismo só tem um nome: golpe. Leia mais

A personificação da raiva

Começar bem: a cena 1

Começar bem.
(anotações para conversa com estudantes de cinema)
  Leia mais

Empresário é tudo ladrão?

A operação Lava Jato condenou, até agora, 64 pessoas: 4 políticos e 30 empresários, mas você nunca ouviu alguém dizer que "empresário é tudo ladrão", ouviu? Leia mais

Um brinde ao Capitão Bendix!

Robinson Crusoé falava português, se naturalizou brasileiro, morou na Bahia

Um dos mais célebres e populares romances de todos os tempos, o primeiro em língua inglesa, o livro que inaugurou um gênero - a narrativa autobiográfica ficcional que hoje chamamos de romance -, trazia em seu frontispício o título e o resumo da história, como era comum na época:
 
Leia mais

Fora o cachorro e dentro do cachorro.

Qual a melhor tradução para esta piada do Groucho Marx?
 
Outside of a dog, a book is a man's best friend. Inside of a dog it's too dark to read.
 
Primeira tentativa: Leia mais

Fora o cachorro, o livro é o melhor amigo do homem. Dentro do cachorro é muito escuro para ler.

Educação e justiça social

Do começo? Os tupis e tupinambás já andava por aqui faz tempo quando os portugueses chegaram, em 1500.  Os portugueses tinham armas, germes e aço e tomaram posse do território, começaram a explorar sua colônia e trouxeram da África milhares de escravos. Leia mais

Trabalhos de amor perdidos

A comédia “Trabalhos de amor perdidos” (Love’s Labour’s Lost, 1595) é um dos raros argumentos originais de Shakespeare, não há fonte conhecida (os outros são Sonhos de Leia mais

Cara de golpe, jeito de golpe, cheiro de golpe.

Já cansei de recomendar a palestra de Ivan Krastev, um filósofo político búlgaro, muito inteligente e engraçado, tem legendas, vamos lá pessoal, são só 20 minutos de raciocínio sem gritos, raciocinar pode ser tão divertido quanto tuitar! (o link para a palestra está no final.)
  Leia mais

Divulgar conteúdo

Tags