O corpo de Flávia

O CORPO DE FLÁVIA
(35 mm, 15 min, cor, 1990)
(janela 1.33, som óptico mono)

FOTO por Alex Sernambi: Ana Moura

Uma menina de quinze anos é espancada pelo pai e busca abrigo na casa de uma amiga. Entre lágrimas e soluços, observa o pai da sua amiga. Ele sente pena de uma criança, mas ela é uma mulher. Nesta noite, eles terão que descobrir a diferença entre paixão e compaixão.


Direitos de comercialização com a PRANA FILMES

Direção: Carlos Gerbase

Produção Executiva: Luciana Tomasi
Roteiro: Carlos Gerbase
Direção de Fotografia: Roberto Henkin
Direção de Arte: Rogério Nazari
Música: Os Replicantes e Ricardo Cordeiro
Direção de Produção: Betty Perrenoud
Montagem: Giba Assis Brasil
Assistente de Direção: Ana Luiza Azevedo

Uma Produção da Casa de Cinema PoA

Elenco Principal:
Ana Moura (Flávia)
João Batista Diemer (Heitor)
Daniela Schmitz (Bárbara)
Nelson Ebelt (César)

CRÉDITOS COMPLETOS

Prêmios

* 2º Prêmio Iecine (Governo do Estado/RS), 1989: Apoio à Produção.
* 18º Festival do Cinema Brasileiro, Gramado, 1990: Melhor Fotografia de Curta Gaúcho.
** 13ª Jornada de Cinema e Video do Maranhão, São Luis, 1990:
Destaque do Júri Popular (bloco dos 4 melhores filmes) e Atriz Revelação (Ana Moura).

Crítica

"O CORPO DE FLÁVIA mistura com humor a forma higienizada das novelas do TV com a história cáustica de uma jovem colegial espancada por seu pai, a qual, tão logo encontra abrigo na casa de uma amiga, começa a questionar o pai dlea em seu gosto pela fotografia erótica."
(Isabelle Regnier, LE MONDE, Paris, 13/02/2004)
http://www.lemonde.fr/web/article/0,1-0@2-3476,36-352716,0.html